Equipe Prospectiva

jul 6
  • jul 6
  • 0
  • prospectiva

GERENTES

Carolina Cavanha é gerente da equipe de saúde e está na Prospectiva desde 2012. Possui experiência em projetos de consultoria estratégica, análise de impacto de políticas públicas no negócio e planos de engajamento com stakeholders. Anteriormente à Prospectiva, estagiária na Faculdade de Saúde Pública (USP). É graduada em Relações Internacionais pela USP e mestre em Administração Pública e Governo pela FGV, com foco em regionalização da saúde.

Débora Miura é gerente institucional. Está na Prospectiva desde 2005 e já atuou como gerente de projetos nos setores de saúde, educação, tecnologia, bens de consumo e financeiro e possui vasta experiência em projetos de inteligência de mercado, negociações internacionais e em avaliação de riscos e oportunidades. Em 2013, passou a liderar o planejamento estratégico da Prospectiva e a área de novos negócios e parcerias. É graduada em Relações Internacionais pela PUC-SP, mestre em Direito Comunitário pelo Real Instituto de Estudos Europeus de Zaragoza, além de ser certificada pelo SENAC em gerenciamento de projetos e possuir MBA em big data pela FIAP.

Gabriel Kohlmann é gerente da área de infraestrutura e está na Prospectiva desde 2008. Possui experiência em análise política, econômica e regulatória, trabalhando com temas de política industrial e comercial, política externa, financiamento público-privado, análises setoriais, políticas para infraestrutura, estratégias de negócios e desenvolvimento comercial. É Bacharel em Relações Internacionais pela Trevisan e mestre em Economia Internacional e Desenvolvimento pela HTW em Berlim.

COORDENADORES

Bruna Huszar coordena projetos de consultoria estratégica na equipe de saúde. Possui experiências anteriores em projetos internacionais e de políticas públicas, com foco em desenvolvimento de negócios e parcerias. É graduada em Relações Internacionais pela USP e possui uma especialização em Advocacy e Políticas Públicas pela FGV.

Luciana Hachmann, coordena projetos de TI. Já coordenou a área de saúde e acompanha as movimentações no Poder Legislativo e Executivo. É doutora e mestre em ciências políticas pela Universidade de Kassel, Alemanha, e bacharel em relações internacionais pela Escola de Negócios Trevisan.

Manuela Pinho coordena o escritório do Rio de Janeiro. Possui experiência em Relações Institucionais e Comunicação de Interesse Público. Atuou como gestora de comunicação e em cargos de liderança no Poder Legislativo, Executivo e na iniciativa privada. É especialista em gestão de relacionamento institucional com públicos de interesse e assessoria de imprensa, mapeamento e análise de cenários de riscos e oportunidades e prevenção de crise. É formada em Comunicação Social/Jornalismo pela PUC-Rio e tem especialização em Gestão da Comunicação pela FGV.

Rafaela Henriques coordena projetos de análise na equipe de Saúde, acompanhando movimentações nos três Poderes e em agências reguladoras. Possui experiência em projetos estratégicos de inserção de empresas no mercado público de saúde, com base na análise de políticas e programas governamentais.  É formada em Relações Internacionais pela USP, tendo realizado parte dos seus estudos nas Universidades de Quebéc (Canadá) e de Lyon (França). É certificada em Gestão e Liderança Internacional (Fondazione CUOA/Itália), Propriedade Industrial (INPI) e Orçamento Público (MPOG).

Raquel Guimarães é coordenadora de análise na Prospectiva Macropolitica, em Brasília. Atuou na área de relações governamentais da Associação dos Fabricantes de Refrigerantes do Brasil (AFREBRAS), onde colaborou com a inclusão dos refrigerantes no Simples Nacional. Como presidente da Strategos, empresa júnior da UnB, liderou projetos de análise política e pesquisa parlamentar. Também participou do Grupo de Pesquisa sobre Democracia e Desigualdade da UnB e possui experiência em análises eleitorais, com foco no Senado Federal. É cientista política formada pela UnB.

Thiago Vidal é coordenador do Núcleo de Análise Política (NAP) da Prospectiva Macropolitica, em Brasília. Foi colaborador da Divisão de Desarmamento e Tecnologias Sensíveis (DDS) do Ministério das Relações Exteriores (MRE), e do Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (DIAP). É bacharel em Ciência Política pela UnB e atualmente cursa MBA em Relações Governamentais na FGV.

CONSULTORES

Alexandra Martinez é consultora do escritório de Miami. Trabalhou como estagiária na International Rescue Committee e com a Deputada Federal norte-americana Debbie Wasserman Schultz. Estagiou, também, no setor político da embaixada Americana em Brasília, onde aprofundou seus conhecimentos sobre reforma política, política latino-americana e relações internacionais. É formada em Relações Internacionais e Ciências Políticas, com ênfase em Segurança Nacional e Estudos Latino Americanos, na Florida International University. Alexandra é fluente em espanhol, português e inglês.

Aline Souza é estagiária do Núcleo de Análise Política, e estudante de Relações Internacionais na PUC-SP. Na faculdade, atuou como coordenadora de parcerias institucionais na Prisma Consultoria Internacional, empresa júnior de RI. Também atuou como estagiária na Rede de Ação Política Pela Sustentabilidade (RAPS), ONG com projetos de formação de lideranças políticas.

Amanda Mesquita é estagiária na equipe de TI da Prospectiva. Foi gerente de projetos na Empresa Júnior Domani Consultoria Internacional e estagiária na Divisão da Mudança do Clima no Ministério das Relações Exteriores. É estudante de Relações Internacionais na UnB e se interessa pelas áreas de comércio exterior e desenvolvimento sustentável.

Amanda Oliveira é estagiária na Prospectiva Macropolitica e estudante de ciência política na UnB.  Anteriormente foi estagiária na Divisão de Defesa Comercial e Salvaguardas do Ministério das Relações Exteriores, lidando com organizações como OMC e OCDE. Participa de projeto de pesquisa na UnB sobre participação política e movimentos sociais e foi monitora de Introdução à Economia na IEMonit.

Anderson Luiz Dias é consultor da área de bens de consumo na Prospectiva Macropolitica, em Brasília. Iniciou sua experiência em relações governamentais acompanhando matérias legislativas e outras discussões no Congresso Nacional sobre infraestrutura elétrica, construção civil e varejo. É formado em Ciência Política pela UnB.

André da Vila é estagiário da equipe de LATAM da Prospectiva. É graduado em Administração Pública pela Fundação Getúlio Vargas e cursa o bacharelado de Relações Internacionais na Universidade de São Paulo.

Andrei Mairro é consultor da equipe de infraestrutura, com foco em consultoria estratégica e regulação de setores. Foi estagiário no Consulado Geral da Nova Zelândia em São Paulo e na Consultoria Upside Finance, na área de estruturação financeira para projetos no setor de energia. É formado em Relações Internacionais pela USP.

Bárbara Mendonça é consultora da equipe de infraestrutura na Prospectiva Macropolitica, em Brasília. Possui experiência na elaboração de pesquisas e cenários políticos, além de apoiar na formulação de estratégias setoriais envolvendo políticas públicas. Trabalhou como estagiária no Ministério das Relações Exteriores, também na área de serviços de infraestrutura. Possui experiência internacional na França, onde participou de pesquisa em direito internacional público na Université de Cergy Pontoise. É formada em Relações Internacionais pela UnB.

Bruno Ziller é consultor da equipe TI e acompanha movimentações nos três Poderes e em agências reguladoras. Atuou na Câmara Americana de Comércio (AMCHAM) e na Investe São Paulo, órgão vinculado à Secretaria de Desenvolvimento do Estado de São Paulo. Desde maio de 2016, vem apoiando a expansão da Associação Brasileira de Relações de Institucionais e Governamentais (ABRIG), como diretor regional de São Paulo. É graduado em Relações Internacionais com especialização em Relações Governamentais pela ESPM e pós-graduando de Ciência Política pela FESPSP.

Camila Fernandes é responsável pela área de comunicação da Prospectiva, com foco em produção de conteúdo, organização de eventos e apoio a projetos internos e de clientes. Atuou como estagiária de comunicação na Eli Lilly por dois anos e em assessoria de imprensa na In Press Porter Novelli, atendendo a Ambev. É formada em Comunicação Social com ênfase em Jornalismo pela Universidade Anhembi Morumbi.

Daniel Mir integra a equipe de projetos estratégicos sendo responsável por análises de políticas públicas e mercados setoriais com foco em saúde. Trabalhou na consultoria Accenture, na área de health&public sector. Durante a graduação elaborou estudos de políticas públicas nos três níveis do governo, por meio de extensão universitária, no Ministério da Educação, governo estadual de Pernambuco e prefeitura de Barueri. Também realizou pesquisas de campo sobre meio ambiente e desenvolvimento sustentável na Costa Rica e política de transferência de renda na comunidade indígena de Barra Velha (BA). É bacharel em Administração Pública pela FGV, com formação complementar em relações internacionais, extensão na Universidade Autônoma de Barcelona. Possui especialização em Advocacy e Políticas Públicas, também na FGV e está cursando nova graduação, em Direito, na PUC-SP.

Daniela Queiroz atua na recepção e apoia a equipe da Prospectiva Macropolitica. Cursa Ciência Política no Centro Universitário do Distrito Federal – UDF.

Diana Amorim é estagiária da equipe de infraestrutura da Prospectiva e desenvolve atividades de pesquisa, análise e mapeamento de stakeholders para o setor. Estagiou na área de cooperação acadêmica internacional da USP e no terceiro setor com atendimento sobre procedimentos administrativos e políticas públicas relacionados à lei de refúgio brasileira. É estudante de Relações Internacionais pela Universidade de São Paulo, com experiências acadêmicas na Turquia e na França.

Dhiogo Rebouças é consultor da equipe de saúde na Prospectiva Macropolitica, em Brasília, monitoramento dos poderes Executivo e Legislativo. Atuou como assessor parlamentar do Ministério do Planejamento durante a gestão Miriam Belchior, sendo responsável por fazer articulação legislativa de projetos estratégicos do Poder Executivo federal. É graduado em Ciência Política pela UnB, com foco em participação eletrônica.

Emanuelle Lima é assessora parlamentar e coordenadora de equipe na Prospectiva Macropolitca, em Brasília. Atua em relações governamentais, acompanhando os Poderes Legislativo e Executivo. Possui experiência na área de saúde e tributária e é formada em Letras pela Universidade Estadual de Minas Gerais – Lavras.

Esther Fuentes é estagiária da equipe de saúde na Prospectiva. Estagiou como pesquisadora associada no think tank Council on Hemispheric Affairs em Washington D.C. É estudante de Relações Internacionais na ESPM, com especialização em Relações Institucionais e Governamentais.

Eveline Santos é assessora parlamentar na Prospectiva Macropolitica, em Brasília. Acompanha as áreas de tráfego aquaviário, infraestrutura portuária, bebidas alcóolicas e carreiras do serviço público no Congresso Nacional. É graduada em Ciência Política e mestranda em Sociologia pela UnB.

Giulia Branco é consultora do Núcleo de Análise Política (NAP). Realizou pesquisa de campo sobre práticas de gestão escolar na Região da Chapada Diamantina (BA), sobre meio ambiente e sustentabilidade na Costa Rica e sobre políticas de transferência de renda na Aldeia Indígena Barra Velha (BA). Integrou a coordenação da campanha a prefeito na cidade de Primavera (PE) e foi produtora executiva do documentário “Primavera do Brasil”. Trabalhou por dois anos na área de engenharia consultiva em projetos de desenvolvimento urbano e análise do desenvolvimento da estrutura institucional da administração pública. É graduada em Administração Pública pela (FGV), com formação complementar em Relações Internacionais.

Guilherme Klein é consultor econômico no Núcleo de Análise Política na Prospectiva Macropolitica, em Brasília. Possui graduação em Ciência Econômica pela FEA-USP e mestrado em Teoria Econômica pela mesma instituição.

Helena Esteves é estagiária na equipe Saúde. É presidente da Strategos, empresa júnior da UnB, onde desenvolve projetos de análise política e pesquisa parlamentar. Presidiu o Diretório Central dos Estudantes (DCE-UnB) e estagiou na Coordenação-Geral de Protocolo do Ministério das Relações Exteriores. É estudante de Ciência Política na UnB.

Ilma Lima é consultora da Prospectiva Macropolitica, em Brasília, com ampla experiência em assessoria parlamentar. Trabalhou no Ministério da Fazenda e na Agência Nacional de Aviação Civil em cargos de chefia, nas áreas de acompanhamento político e assuntos parlamentares. Colaborou com diversas entidades, como Associação Brasileira das Empresas Aéreas, Associação Brasileira de Franchising, Associação Nacional de Restaurantes, Associação da Indústria Farmacêutica de Pesquisa e Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores. É bacharel em Relações Internacionais pela UNB e pós-graduada em Comércio Exterior.

João Victor Mota é estagiário na Prospectiva Macropolitica, em Brasília. Como consultor na Strategos, empresa júnior da UnB, participou de projetos de análise política e pesquisa parlamentar, com destaque para o acompanhamento legislativo da CPI da Petrobras. Foi estagiário na Umbelino Lôbo, onde atuou no setor legislativo. É estudante Ciência Política na UnB.

Julia Santos é consultora da equipe saúde da Prospectiva, apoiando projetos de análise e de   consultoria estratégica. Trabalhou na ONG Worldwide Initiatives for Grantmaker Support, com foco em análise de marcos legais e fiscais para o terceiro setor. Durante a graduação elaborou um estudo sobre impactos da responsabilidade social corporativa na interação governamental. É graduada em Relações Internacionais pela ESPM com minor em Relações Governamentais e possui extensão na IÉSEG School of Management (França).

Juliana César é estagiária da equipe de saúde da Prospectiva, onde desenvolve atividades de pesquisa, análise e mapeamento de stakeholders. Também já trabalhou no Centro de Pesquisa em Relações Internacionais da Fundação Nacional de Ciências Políticas da França (CERI – Sciences Po). É estudante de Relações Internacionais na USP.

Leonardo Simi é estagiário na Prospectiva Macropolitica, em Brasília. Foi diretor de gestão de pessoas na Strategos, empresa júnior da UnB, onde participou de projetos de análise política e pesquisa parlamentar, incluindo pesquisas de opinião para a Confederação Nacional das Indústrias (CNI) e monitoramento do Poder Executivo para a Shell. Estagiou na Escola Nacional de Administração Pública (ENAP). É estudante de Gestão de Políticas Públicas na UnB.

Matheus Maia é consultor da Prospectiva Finanças Corporativas com foco em estruturação e modelagem de projetos. Trabalhou dois anos como estagiário na área de Legal Entity Control no Banco JP Morgan. Foi também analista na Valora, apoiando na modelagem de projetos de infraestrutura e valuations em diversos setores, e na Tectrans com o mesmo foco. Matheus é formado em Ciências Contábeis pela FEA-USP.

Rafaella Lopes é consultora da equipe de saúde. Elaborou estudos de políticas públicas para os três níveis de governo, em contexto nacional e internacional. Recebeu prêmio de honra ao mérito pelo Centro de Estudos em Administração Pública e Governo por sua iniciação científica. Atuou como estagiária no setor de relações governamentais e institucionais do Itaú Unibanco e na área de comunicação da Empresa Socioambiental PonteAPonte. É formada em Administração Pública pela FGV, com extensão em Paris (Sciences Po), e possui formação complementar em negócios e consultoria estratégica pela USP.

Romain Carret é consultor no escritório de Miami. Na França, trabalhou no departamento internacional do Ministério da Saúde e do Ministério do Trabalho. Também atuou na Sanofi (Paris e São Paulo) como coordenador de business security para América Latina, com foco em combate à falsificação de medicamentos. É doutor em Farmácia pela Universidade Lyon1 e mestre em Relações Internacionais pelo Instituto IRIS de Paris.

Zue Lopez Diaz é estagiária no escritório de Miami. Tem ampla experiência internacional e residiu na Venezuela, Argentina, Brasil e Estados Unidos, o que lhe permitiu ser fluente em inglês, espanhol e português. Foi estagiária dos departamentos de marketing e de comércio internacional da Câmara de Comércio Espanha-EUA. É estudante de Relações Internacionais e Relações Públicas na Florida International University, além de fazer parte da equipe de Modelos da ONU e do jornal da universidade.

CONSULTORES ASSOCIADOS

Antonio Augusto de Queiroz: Consultor da Prospectiva Macropolitica, é analista político com foco em tendências, Congresso Nacional, legislação trabalhista e previdenciária, servidores públicos e processo legislativo, entre outros temas de conjuntura política.

Gianpaolo Machado Lage de Melo: É consultor associado da Prospectiva Macropolitica. Foi assessor tributário do PPS e da Terceira Suplência da Mesa Diretora da Câmara dos Deputados, além de consultor da da Arko Advice.  É mestre em Direito, Relações Internacionais e Desenvolvimento com ênfase em Mercado Ambiental pela Universidade Católica de Goiás. É pós-graduado em Integração Econômica e Direito Internacional Fiscal pela Escola de Administração Fazendária por meio de acordo de cooperação a Universidade de Münster e a Fundação Getúlio Vargas.

Zilmara David de Alencar: É consultora associada da Prospectiva Macropolitica para assuntos sindicais. Atuou com representação e elaboração de defesa das empresas juntos aos órgãos do governo, justiça e Ministério Público. No Ministério do Trabalho e Emprego, prestou serviços de consultoria jurídica na Coordenação Geral de Relações do Trabalho. Por dois anos atuou como Secretária de Relações do Trabalho, Coordenadora do programa de Democratização das Relações de Trabalho e Coordenação Executiva do Conselho Nacional de Relações do Trabalho.  É formada em Direito.

Leave A Comment

Related Post